Em nova cena de "Cemitério Maldito", gato da família reaparece misteriosamente Filmes

Em nova cena de “Cemitério Maldito”, gato da família reaparece misteriosamente


A Paramount Pictures divulgou, na manhã desta terça-feira (09), uma nova cena de “Cemitério Maldito”, filme baseado em um dos clássicos de Stephen King. 

Dirigido por Kevin Kölsch e Dennis Widmyer, o longa conta a história do Dr. Louis Creed (Jason Clarke), que, depois de mudar com sua esposa Rachel (Amy Seimetz) e seus dois filhos pequenos de Boston para a área rural do Maine, descobre um misterioso cemitério escondido dentro do bosque próximo à nova casa da família. Quando uma tragédia acontece, Louis pede ajuda ao seu estranho vizinho Jud Crandall (John Lithgow), dando início a uma reação em cadeia perigosa que liberta um mal imprevisível com consequências horripilantes.

Na cena, a filha de Rachel e Louis não acredita quando os pais contam que o bichano talvez não volte para a casa, afinal, ele havia acabado de aparecer por lá.

Assista à cena de “Cemitério Maldito”:

Leia Mais:

Baseado em clássico de Stephen King, “Cemitério Maldito” ganha novo trailer

“Cemitério Maldito” tem estreia marcada para o dia 9 de maio nos cinemas brasileiros.

Church, o gato, foi inspirado em Smucky, bichano que pertenceu à filha de Stephen King, Naomi. Smucky foi atropelado perto da residência dos King e serviu de inspiração para o livro O Cemitério.

Em “Cemitério Maldito”, foram necessários seis gatos: “Na verdade mesmo, foram dois gatos que fizeram grande parte do trabalho”, conta o codiretor Dennis Widmyer. “E obviamente você acha que está vendo um só gato no filme. Os gatos são bons nesse nível”.

Parceiro de direção de Widmyer, Kevin Kolsch, diz que ter os gatos no set foi uma forma de terapia para eles. “Nós dois somos ligados aos gatos e temos vários em casa. Estávamos filmando longe de casa, então foi bom tê-los por lá”, revela.

Comentários

comentários