13 Reasons Why Críticas, Séries

Crítica | 2ª temporada de “13 Reasons Why” ainda precisa de restrições


Na última sexta-feira (21), a Netflix disponibilizou em seu catálogo a segunda temporada de “13 Reasons Why”, série que atingiu grande sucesso após o seu lançamento no serviço de streaming, em março de 2017. A crítica abaixo não contém spoilers

A história é retomada cinco meses depois da morte de Hannah Baker e retrata a complicada jornada dos personagens em busca de sua recuperação após o ocorrido. Há um julgamento envolvendo os pais de Hannah contra a escola Liberty High, no qual os principais envolvidos das fitas têm que depor. Enquanto alguns buscam justiça pela Hannah, outros farão de tudo para impedir que isso aconteça.

Diferentemente da primeira leva de episódios, a segunda temporada ficou consideravelmente mais longa, ainda com 13 episódios. Porém, o tempo de cada capítulo aumentou: antes, cada um durava cerca de 30 a 40 minutos. Agora, duram de 50 minutos a 1 hora, aproximadamente. Talvez, a maior duração da série tenha sido a maior contribuinte para uma maior lentidão nos primeiros episódios, que ficaram um pouco arrastados. A partir do 5º episódio, mais ou menos, é que a coisa começa a andar.

A grande diferença é que, desta vez, os flasbacks são construídos do ponto de vista dos personagens que estão nas fitas. Portanto, além de coisas que não estavam na fita, há também a percepção deles sobre algumas situações.

Apesar de a segunda temporada de “13 Reasons Why” ser mais cuidadosa em relação às restrições que a trama pode apresentar para pessoas mais sensíveis, os episódios cometem o mesmo erro ao apresentar cenas bem chocantes. Por um lado, é compreensível a intenção de mostrar de retratar a realidade do que, muitas vezes, acontece nas escolas. Por outro, dá margem, novamente, ao debate de que a série pode ser um gatilho em diversas situaçõs.

Os novos episódios retratam três assuntos principais, o suicídio, o bullying e o assédio sexual, e faz uma introdução a um quarto tema: armas de fogo, o que deixa aberta mais uma a possibilidade de assunto para a possível terceira temporada.

Por fim, “13 Reasons Why” é uma série que fala a verdade. Porém, ainda precisa ser muito cuidadosa ao buscar seu público alvo, devido aos assuntos muito delicados com os quais trabalha. Mais do que na primeira temporada, os novos episódios retratam a importância de buscar ajuda e conversar com alguém, mas, ainda assim, cuidado nunca é demais.

Veja o trailer da segunda temporada de “13 Reasons Why”:

Leia Mais:

Ouça a trilha sonora completa da 2ª temporada de “13 Reasons Why” 

Foto: Divulgação/Netflix

Comentários

comentários