Foto: © 2011 - Paramount Pictures Filmes, Trending

Natalie Portman revela cachê desigual em filme com Ashton Kutcher


Em entrevista à revista Marie Claire UK, a atriz Natalie Portman confirmou ter recebido um salário três vezes menor que o de seu colega de elenco, Ashton Kutcher. Confira!

Que a indústria cinematográfica no geral é machista todo mundo sabe. A surpresa acontece quando alguma atriz conhecida e prestigiada denuncia algo do tipo.

Nesta semana, foi a vez da atriz israelense Natalie Portman denunciar a diferença salarial em um de seus trabalhos. Em 2011, a atriz protagonizou a comédia romântica Sexo Sem Compromisso ao lado de Ashton Kutcher, conhecido por ter interpretado por 7 anos o cômico Michael Kelso na série That ’70s Show. 

Apesar do sucesso do filme (que arrecadou 150 milhões de dólares mundialmente), Natalie recebeu um cachê 3 vezes menor que o de Kutcher. A atriz comentou sobre o caso em entrevista à revista Marie Claire UK. “Eu sabia e aceitei isso porque existe esta coisa em Hollywood chamada ‘cota’. A dele era três vezes maior que a minha então eles disseram que ele devia ganhar três vezes mais. [Na época] eu não fiquei tão brava quanto deveria. Nós ganhamos muito dinheiro, então é difícil reclamar, mas a disparidade é insana.”

Cartaz de ”Sexo Sem Compromisso”. | Foto: Divulgação.

Ainda sobre o machismo na indústria cinematográfica, Portman acrescentou: ”Comparada com um homem, na maioria das profissões, as mulheres ganham 80 centavos a cada dólar. Em Hollywood, ganhamos 30 centavos a cada dólar”. “Eu não acho que mulheres ou homens são mais ou menos capazes. Só temos um claro problema de mulheres não tendo oportunidades. Nós precisamos ser parte da solução, não da perpetuação do problema”, desabafou.

Vale lembrar que Natalie não é a primeira atriz a denunciar o problema. No ano passado, Robin Wright, da série House Of Cards, comentou em uma entrevista que exigiu ganhar o mesmo que seu colega de elenco, Kevin Spacey. Na época, Wright, que recebia 80 mil dólares a menos que Spacey, disse para Netflix: ‘‘É melhor vocês me pagarem ou eu irei a público”.

Fotos: © 2011 – Paramount Pictures

 

Leia mais sobre Filmes

Comentários

comentários