Pop Cultura na Itália: Visitando cenários de “Gladiador” Filmes

Pop Cultura na Itália: Visitando o cenário de “Gladiador”


Antes de seguir para a próxima cidade decidi ficar mais um pouquinho em Roma e mostrar outro cenário famosíssimo: o Coliseu. 

Também conhecido como Anfiteatro Flaviano, o Coliseu foi palco de muitos espetáculos, como execuções, mas chamava mesmo a atenção pelas lutas de gladiadores, que aconteciam quando os imperadores colocavam escravos para lutarem entre si ou então com animais.

Pop Cultura na Itália: Visitando cenários de "Gladiador"

O monumento demorou anos para ser construído, ficando pronto em 80 d. C., e é o maior símbolo do que ficou conhecido como a Política do Pão e Circo, usada pelos imperadores romanos para entreter a população faminta e conquistar seu apoio. Dentre os diversos filmes que tentaram retratar este período, o que se tornou o mais marcante foi “Gladiador”.

Com direção de Ridley Scott, o longa mostra a história de Maximus (Russell Crowe), comandante do exército romano para quem o imperador pretende deixar o trono. Com isso, desperta a inveja e raiva de seu filho, Commodus (Joaquin Phoenix), que mata o pai, assume o trono e ordena a execução do comandante. Maximus consegue fugir e se esconde então sob a identidade de escravo e gladiador do Coliseu.

Pop Cultura na Itália: Visitando cenários de “Gladiador”

Na esquerda, uma cena do filme. Na direita, uma foto tirada por mim.

Hoje em dia, o anfiteatro é formado em sua grande maioria por escombros, já que a construção é antiga demais para se manter intacta, e por isso, vive em reforma. Para gravar “Gladiador”, Ridley Scott mandou erguer uma réplica em tamanho natural em Marrocos, onde grande parte do filme foi gravada. Incrível, não?

Pop Cultura na Itália: Visitando o cenário de "Gladiador"

Comentários

comentários